Conhecido como “olho de Binhai”, o projeto assinado pela dinamarquesa MVRDV, é o novo centro cultural da cidade de Tianjin, na China. Com arquitetura inusitada que traça linhas curvas e fluidas desenhadas ao redor de uma luminosa esfera translúcida, a biblioteca tem formato que emula a imagem de um olho.

A biblioteca, além de espaços de leitura e um auditório localizado no centro da construção, tem estantes contínuas que comportam mais de um milhão de livros. O centro tem cinco andares de altura e área de 33,200 m².

Escrito por Tamy Mota